Climaespaço - Mitos e Verdades

Ir em baixo

Climaespaço - Mitos e Verdades

Mensagem  BrunoFigueiredo em Qui 29 Mar - 4:09

Penso que há muita demonização da Climaespaço e às vezes há quem recorra a alternativas sem estar bem informado, pelo que achei melhor desmistificar aqui alguns mitos e verdades.
Em primeiro lugar a climaespaço consiste no envio de água canalizada a ferver ou gelada para o interior das casas / lojas / escritórios.

Casas:
A climaespaço obriga a um pagamento de 350 Euros de caução, mas que é devolvido no final do contrato ou se entretanto a pessoa vender ou deixar de arrendar a casa, pelo que não é dinheiro perdido.
Quem substitui a Climaespaço por um Acumulador eléctrico perde efectivamente o aquecimento central (mais importante para casas com divisões a nascente e norte) porque à entrada das casas existem dois ramais, um para o aquecimento central, outro para o acumulador. Substituindo o acumulador apenas, perde-se este aquecimento. Em casas viradas a Norte e Nascente não compensa fazer esta troca uma vez que aparelhos eléctricos de aquecimento acabam por ficar mais caros. Em casas viradas a Sul ou Poente não fará tanta diferença.
Em termos de Aquecimento de águas domésticas, o custo mensal é muito semelhante ao custo de electricidade de um acumulador eléctrico para uma família com 2 pessoas. Isto sem contar com o amortecimento do custo da troca do aparelho. Para quem vive sozinho, compensa fazer a troca, a não ser que viva numa casa virada a Norte ou Nascente, mas só irá amortizar o custo da troca do aparelho em cerca de 2 ou 3 anos.
Para quem tinha Climaespaço no inicio do empreendimento, efectivamente o custo era elevado, porque devido a haver poucos inquilinos o custo das perdas de energia era repartido por esses poucos, o que se traduzia num acréscimo de 10 Euros por mês. Isto já não acontece hoje em dia. Em minha casa vivem 4 pessoas e o custo é de cerca de 30/40 Euros por mês, muito equivalente ao gasto de electricidade de um acumulador eléctrico. Há no entanto um truque: o acumulador da Climaespaço tem um regulador de temperatura. Se estiver muito alto, sempre que a temperatura vá abaixo daquele valor, ele reenche o deposito aumentando os custos. Uma vez que é bastante eficiente a conservar o calor, basta por em 40 graus que se poupa muito.
De Inverno, com o uso do aquecimento central, os consumos disparam mas não diferem muito do gasto extra com aquecedores eléctricos.
Ou seja, para quem vive sozinho em casas viradas a Sul ou Poente (ou aluga a casa por períodos curtos) compensa trocar se for viver na casa mais de 3 anos. Para todos os outros, não.

Lojas e Escritórios
As lojas na sua maioria estão a instalar unidades de ar condicionado à revelia dos condomínios em áreas comuns das garagens. Como ainda há poucas, o problema não é grande mas é algo insustentável quando estiver tudo ocupado, não só porque os gastos vão aumentar por se tornarem menos eficientes como haverá muito mais ruído. As lojas fogem da Climaespaço um pouco por desconhecimento. Eu tenho Climaespaço no meu escritório do centro da Expo que tem uma área equivalente à média das lojas. Além do custo inicial da caução (que depois é devolvida), o pior é o custo mensal de ter os serviços contratados. Isto porque calor e frio obrigam a contratos diferentes. Ou seja, de Verão tenho de pagar os custos fixos de calor mesmo não usando calor, e de Inverno vice-versa. O custo fixo é 20 Euros para Frio e 30 para calor.
Aqui a Climaespaço funciona de forma diferente das casas. Os tubos com água a ferver / gelada vêm de fora e são colocados frente a uma ventoinha, imitando um Ar Condicionado. No entanto, não havendo mais que ventoinhas, os custos de manutenção são praticamente inexistentes, e o consumo de electricidade (só para a ventoínha) é irrisório. Tudo somado, acaba por ficar ao mesmo preço que um Ar Condicionado, que precisa de mudar filtros, reabastecer de gás e que consome muita electricidade.
Para terem uma ideia, o meu escritório de 40m2 consome cerca de 70 Euros por mês de Inverno ou Verão para climatização. Numa loja seria um pouco superior devido às perdas das portas abertas, ou seja cerca de 100. Ora calculem o preço do aparelho de Ar Condicionado, a Manutenção, o consumo de energia e vão ver que não compensa face à Climaespaço, mesmo com a obrigatoriedade dos 2 contratos.

Espero ter esclarecido quem ainda tinha dúvidas.

BrunoFigueiredo

Mensagens : 66
Data de inscrição : 02/06/2010

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum